Música/Rock

Prince, o homem mais versátil da música

O mundo da música perdeu nesta quinta-feira (21) um dos seus mais talentosos representantes. Prince foi encontrado morto dentro do seu estúdio em Minnesota, com apenas 57 anos.

Um dos maiores ícones pop de todos os tempos, ele começou a carreira em 1978 com um disco que soou até arrogante para um menino de apenas 19 anos. Na ficha técnica de For You, o primeiro álbum, os créditos apontavam que tudo foi feito pelo artista, desde a produção até a execução de todos os instrumentos.

Conheceu o auge na década seguinte, sendo um dos principais nomes da música dos anos 1980, ao lado de Michael Jackson, Madonna, Bruce Springsteen e Van Halen. Provocador, Prince foi quem melhor soube trazer o tema sexo para a música e a cultura mundial, sendo exaltado com um fervor quase religioso.

Divulgação

Divulgação

Nos anos 1990, depois de uma briga com a gravadora Warner, ele abandonou o nome e passou a ser chamado apenas por um símbolo, obrigando todos a falarem dele como o ‘artista antes conhecido como Prince’.

Foto: Brian Rasic/Rex Features

Foto: Brian Rasic/Rex Features

Musicalmente, não foi um período exatamente criativo, que só voltou à tona no século XXI, com Musicology, mais atualizado com a nova era da música que veio.

Multitalentoso, Prince foi considerado o 33º melhor guitarrista da história pela revista Rolling Stone. Fará falta por aqui.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s