Brasileiro/Futebol

A liga Alviverde

O Palmeiras deu liga. Antes de discorrer sobre tal sentença afirmativa farei um prólogo, para não ser acusado de imediatista passional. O Vasco é mais do que sofrível e na minha singela opinião já é um dos rebaixados deste Brasileirão, junto com o Joinville. Vencer o Cruzmaltino é mais do que uma obrigação para uma agremiação que busca, no mínimo, uma vaga na Libertadores.

O fato que indica um caminho extremamente positivo para as aspirações do Alviverde no campeonato é o conceito seguido por Marcelo Oliveira. Apesar do pouco tempo de trabalho – que ainda trará muitos frutos positivos –, M.O. já inseriu o conceito tático fundamental para uma equipe que busca as primeiras colocações: a postura em campo permanece a mesma independente se a partida ocorre ou não no Allianz Parque.

Amparado pelos recentes números positivos, o treinador aos poucos implanta sua forma de trabalho, que corrobora algo que há muito tempo já era realidade: Oliveira faz parte da elite dos melhores técnicos do Brasil.

Isso não significa que o Esmeraldino será campeão brasileiro ou continuará no G-4. No entanto, o fato é que M.O. conseguiu dar padrão a um time que era contestado por ter mais quantidade do qualidade, o que incontestavelmente elevou a SEP a postulante tanto de uma vaga para a Libertadores quanto ao título.

Crédito foto capa: Cesar Greco / Ag. Palmeiras / Divulgação

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s