Brasileiro/Futebol

Ótimo jogo e invencibilidade garantida. Onde vai parar esse Santos?

Ontem (17), Santos e Londrina estrearam na Copa do Brasil 2015, no estádio do Café, no Paraná. Um bom jogo, bastante movimentado, com grandes chances de gols, especialmente, para o Santos. A única ressalva, fica por conta do árbitro do jogo que assinalou um pênalti mandrake para o time de Vila Belmiro e interferiu de forma clara no resultado da partida. O grande dilema é que, mesmo com a interferência do juiz, o resultado foi justo, muito por conta do grande volume de jogo do time da baixada.

Com a vitória por 1×0 nesta terça-feira, o Santos segue com uma invencibilidade de onze jogos na temporada (nove vitória e dois empates) e permanece firme rumo à consolidação de um forte time que, no início do ano, tinha tudo para ser um mero coadjuvante.

robinhocomemoraceliomessiasgazeta

Robinho comemora seu gol, na vitória santista por 1×0 fora de casa pela Copa do Brasil. Foto: Celio Messias / Gazeta Press

Nos primeiros 15 minutos de jogo o time da casa fez prevalecer o mando e, com boa posse de bola, dominou as ações do jogo. Tanto que aos sete minutos marcou um gol, após falta cobrada por Celsinho (ele mesmo, o sósia do Ronaldinho Gaúcho) pela esquerda para a cabeçada de Diogo Roque. O lance, porém, foi bem invalidado pelo bandeira, já que o volante do Londrina e mais quatro jogadores estavam totalmente impedidos.

A partir daí o Santos acordou, e logo aos 18 minutos do primeiro tempo, Ricardo Oliveira recebeu na entrada da área, pela esquerda, e mandou um cartão de visitas ao goleirão Vitor, do Londrina. Uma bomba! Após leve desvio do goleiro, a bola ainda beijou o travessão antes de ultrapassar a linha de fundo.  Dois minutos mais tarde, ao tentar sair jogando na base do toque de bola, o time do Londrina falhou e deixou a bola de mão beijada para Robinho errar a finalização à direita do gol.

Aos 30, Vanderlei fez ótima intervenção, no ângulo esquerdo, após falta frontal cobrada por Celsinho. Aos 36, aconteceu a melhor chance do jogo, o Santos já dominava a partida e Ricardo Oliveira pela esquerda deixou Victor Ferraz (improvisado, de novo, pela lateral-esquerda) na cara do gol. O lateral santista ainda teve tempo de driblar o marcador e chutar à queima-roupa para defesa sensacional, no reflexo, do goleiro Vitor. O goleiro do Londrina que, a partir desse lance, passou a operar verdadeiros milagres dentro de campo.

Aos 41, Lucas Lima aproveitou assistência de Robinho e da meia lua da grande área sentou o canudo de canhota, a bola, por muito pouco, não entrou no ângulo esquerdo do gol. Seria um verdadeiro golaço, de estufar as redes. O intervalo veio e o Santos já merecia estar na frente do placar.

Logo aos cinco minutos do segundo tempo, Lucas Lima fez grande jogada pela ala direita e cruzou, no capricho, para Renato. Após um estranho voleio do volante santista, a bola, que com toda certeza, ia para fora, teve a interferência do volante Germano (que, inclusive, já passou pelo Santos em 2010) que tirou a bola com o ombro para escanteio, o árbitro com plena visão do lance interpretou como braço e assinalou pênalti para o Santos. Robinho, que nada tinha a ver com isso, cobrou, aos sete minutos, e marcou com categoria, no ângulo, sem chances para o goleirão.

Aos 22 minutos, após chutão de David Braz para o ataque, a bola sobrou para Robinho fuzilar da intermediária, o goleiro praticou outra sensacional defesa. No rebote, Ricardo Oliveira entrou sozinho para cabecear, mas, de novo, no reflexo, Vitor salvou o que seria o segundo gol do Peixe.

O Santos pressionou até o final do jogo, em busca do segundo gol, mas viu Robinho falhar em outras três finalizações das quais não costuma errar. O jogo terminou 1×0 para o Peixe e, apesar de não ter eliminado o jogo de volta, pode ser considerado um grande resultado já que no dia 16 de abril, em sua casa, tem a vitória simples e o empate como resultados favoráveis para classificação à próxima fase da competição nacional.

Apesar do festival de erros nas finalizações, o Santos demonstrou enorme volume de jogo em seu ataque, e mostra que mesmo com os velhinhos em campo pode ir longe nas competições que disputará este ano.

SANTOS X LONDRINA

Robinho e Ricardo Oliveira, dois dos mais experientes do grupo santista em 2015. O centroavante, de novo, fez ótima partida. Foto: Celio Messias / Gazeta Press

Em tempo. Com os resultados de ontem, pelo Paulistão, o Santos é a primeira equipe classificada para as quartas de final do campeonato. O time da baixada conquista a vaga com cinco rodadas de antecedência.

Confira os melhores lances do jogo:

FICHA TÉCNICA 
LONDRINA 0 X 1 SANTOS

Local: Estádio do Café, em Londrina (PR)
Data: 17 de março de 2015, terça-feira
Horário: 19h30 (Horário de Brasília)
Árbitro: Paulo Henrique de Melo Salmazio (MS-CBF-1)
Assistentes: Leandro dos Santos Ruberdo (MS-CBF-1) e Sérgio Alexandre da Silva (MS-CBF-2)

Gol: Robinho, aos 7 minutos do segundo tempo
Cartões amarelos: LONDRINA: Paulinho, Germano, Dirceu. SANTOS: Lucas Lima, Cicinho, Valencia

Público: 10.917 pagantes (11.755 presentes)
Renda: R$ 396.370,00

LONDRINA: Vitor; Lucas Ramon, Dirceu, Silvio e Lino; Diogo Roque, Germano, Léo Maringá (Rone Dias) e Celsinho (Koffi); Arthur e Paulinho (Wéverton)

Técnico: Claudio Tencati

SANTOS: Vanderlei, Cicinho, David Braz, Werley e Vitor Ferraz; Valencia, Renato e Lucas Lima; Geuvânio, Robinho (Gabriel) e Ricardo Oliveira (Thiago Ribeiro).

Técnico: Marcelo Fernandes

Anúncios

Um pensamento sobre “Ótimo jogo e invencibilidade garantida. Onde vai parar esse Santos?

  1. Pingback: Apenas os pequenos choram na primeira fase da Copa do Brasil | Fut 'n' Roll

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s