Música/Rock

Foo Fighters e o seu grande rock de arena

Em vinte anos de carreira, o Foo Fighters veio a São Paulo pela primeira vez que não fosse em um festival. E não decepcionou os cerca de 60 mil fãs que lotaram o Morumbi na última sexta-feira (23). Apesar de estar com disco novo e comemorando duas décadas do álbum de estreia, o show não teve excessos nas músicas desses dois discos. Dave Grohl e companhia entregaram o que o público queria, um grande apanhado da carreira do Foo Fighters.

Foto: MRossi/Divulgação

Foto: MRossi/Divulgação

Ainda assim, a banda não se apoia na sua história para ganhar o público. Começou com Something for Nothing, do mais recente trabalho, e partiu para clássicos como Learn no Fly e Breakout, de There´s Nothing Left do Lose, de 1999. O bom desse tipo de rock de arena é que a música não soa datada. Mesmo a mais antiga apresentada no show, I’ll Stick Around, tinha cara de canção recente.

E Dave Grohl, um sujeito com seu lugar garantido na história dos grandes do rock mesmo antes da existência do Foo Fighters, claramente se diverte no palco. Na parte mais calma da apresentação, na qual ele pega o violão e vai para um palco avançado no meio da pista, ele deixou um fã subir ao local para pedir a noiva em casamento (Vinicius, chamado de Vesuvios pelo cantor, e Monica).

Foto: MRossi/Divulgação

Foto: MRossi/Divulgação

O Foo Fighters não faz apenas um apanhado dos oito discos da carreira, também presta homenagem àqueles que influenciaram a banda. Em São Paulo, foram quatro covers: Detroit Rock City, do Kiss, Stay With Me, do Faces, Tie Your Mother Down e Under Pressure, do Queen. As homenagens variam a cada show, com a banda tocando Van Halen, Rolling Stones e Alice Cooper em outras cidades. Na hora de apresentar os integrantes, a banda toca trechos de Tom Sawyer, do Rush, e de War Pigs, do Black Sabbath.

No fim, o Foo Fighters entrega os maiores sucessos, os que mais empolgam a plateia. All My Life, These Days, Best of You (que obrigou Grohl a pedir, brincando, para que o público parasse de cantar) e Everlong, encerrando o show em 2h45 e deixando o público presente com clima de quero mais.

Se em cima do palco, as coisas foram muito bem, obrigado, a estrutura do estádio do Morumbi deixou bastante a desejar. Quem não desembolsou os R$ 640 do ingresso para a pista Premium e pagou a metade desse valor para a pista normal deu de cara com duas grandes tendas brancas que impediam a visão do palco. Com isso, o público deste setor se amontoou nas laterais do gramado para conseguir enxergar minimamente o palco. O som do show também deixou a desejar, muito baixo em vários momentos.

O número de banheiros no estádio também, foi pouco, o que gerou grandes filas e fez muita gente perder alguma parte da apresentação ou algum dos (bons) shows de abertura, do Raimundos e do Kaiser Chiefs. Na hora da saída, apenas um portão estava aberto para o público da pista, gerando apertos desnecessários e um desgaste maior para sair do que para chegar. É triste ver o público que paga caro para assistir a um evento ser tão mal tratado assim. Que isso não ocorra nos shows no Allianz Parque ou no Itaquerão, que devem tomar alguns eventos do Morumbi.

Repertório do show do Foo Fighters em São Paulo:

1- Something For Nothing
2- The Pretender
3- Learn to Fly
4- Breakout
5- Arlandria
6- My Hero
7- Congregation
8- Walk
9- Cold Day in the Sun
10- I’ll Stick Around
11- Monkey Wrench
12- Skin and Bones
13- Wheels
14- Times Like These
15- Detroit Rock City (cover Kiss)
16- Stay With Me (cover The Faces)
17- Tie You Mother Down (cover Queen)
18- Under Pressure (cover Queen)
19- All My Life
20- These Days
21- Outside
22- Best Of You
23- Everlong

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s