Basquete/NBA

Pau Gasol, um touro em quadra liderando os Bulls

Quando o Chicago Bulls anunciou a contratação de Pau Gasol, muitos torcedores do Los Angeles Lakers deram graças à Deus porque a franquia da Califórnia se livrava de um jogador de idade avançada e com alto salário. Em crise, a saída de GAsol abriria espaço nos cofres dos Lakers para novas contratações. Hoje, com certeza, esses mesmos torcedores lamentam a brilhante temporada do espanhol pelos Bulls e a fraca campanha (mais uma) do time amarelo e roxo.

Gasol marcou 26 pontos e comandou vitória da Espanha contra o Brasil no Mundial de Basquete. Foto: Agência EFE

 

O negócio foi fechado pelo Chicago às vésperas da Copa do Mundo de Basquete, na Espanha. Gasol, já de casa nova, ganhou um incentivo a mais para jogar muito pela seleção espanhola, que parou diante da França nas quartas-de-final. Mesmo sem o sonhado título mundial em casa, Gasol foi um dos principais nomes da equipe, ao lado do irmão Marc. Forte na defesa e com chutes certeiros de média distância, Pau dava um recado aos fãs da NBA: chegaria babando em Chicago.

Dito e feito. Depois de um período intenso de preparação na pré-temporada, e com Derrick Rose ainda oscilando e tentando evitar mais uma lesão grave, Gasol e Jimmy Buttler têm sido os principais nomes do time de Illinois na NBA, quarto na Conferência Leste, com 26 vitórias e 13derrotas. 

A liderança dentro e fora das quadras e a experiência de quem já foi campeão da Liga norte-americana por duas vezes fazem de Gasol um dos principais nomes do time. Além de manter altíssimas médias de pontuação e rebotes, o espanhol tem mostrado a garra e a dedicação de um verdadeiro touro e vem se destacando na defesa, com a segunda melhor média de tocos da liga, atrás apenas do jovem Anthony Davis. E, mesmo aos 34 anos de idade, tem sofrido poucos problemas físicos, o que dá mais confiança aos torcedores e aos companheiros de grupo que o Chicago vem forte para os playoffs.

Com atuação impecável, Gasol atingiu maior pontuação da carreira em uma única partida contra os Bucks. Foto: Getty Images

 

Semana passada, na vitória do Chicago sobre o Milwaukee Bucks por 95 a 87, no United Center, Gasol marcou impressionantes 46 pontos, a maior pontuação da carreira em uma partida da NBA, e ainda pegou 18 rebotes. Ontem, mesmo o Chicago perdendo para o Orlando Magic por 121 a 114, Gasol marcou 28 pontos e pegou 14 rebotes. E hoje, os Bulls voltam às quadras em casa contra o Washington Wizards, equipe que tem se tornado uma pedra no sapato do time. A torcida conta mais uma vez com a força de Gasol para chegar a mais um triunfo.

Médias da Carreira de Pau Gasol na NBA

Memphis Grizzlies – 19.0 pts, 8.5 rbts, 3.0 asts, 1.9 tocos
Los Angeles Lakers – 17.8 pts, 10.0 rbts, 3.5 asts, 1.4 tocos
Chicago Bulls – 19.0 pts, 11.4 rbts, 2.6 asts, 2.2 tocos

Anúncios

Um pensamento sobre “Pau Gasol, um touro em quadra liderando os Bulls

  1. Pingback: Playoffs da NBA prometem em emoção | Fut 'n' Roll

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s