Futebol/Latinoamericano

O incrível sprint final do Racing

Campeonatos de pontos corridos geralmente premiam o time mais regular durante a competição, mesmo aqueles mais curtos, de apenas um turno, como o argentino.

Mas o Torneo Transición 2014 não será lembrado pelo triunfo do mais regular. O Racing voltou a ser campeão do KIRCHNÃO após 13 anos graças a uma campanha quase perfeita na metade final da temporada.

Foto: La Nación

Foto: La Nación

Campanha perfeita essa que era muito improvável no começo do campeonato. O time sofreu derrotas bem doídas, como a goleada para o Tigre por 4 a 0 e a perda do clássico para o Independiente por 2 a 1, que revoltou os torcedores contra o técnico Diego Cocca, que declarou preferir brigar pelo título do que vencer clássicos isolados.

Aí veio a partida contra o Boca Juniors e uma chuvarada que fez com que o jogo fosse interrompido e o segundo tempo disputado em outra data, com os xeneizes já vencendo por 1 a 0. Esses 45 minutos mudaram a história do Racing na competição. Bou marcou duas vezes e virou a partida.

Depois, uma derrota para o Atlético Rafaela fora de casa e a sequência histórica. Nos últimos nove jogos do campeonato, foram oito vitórias, entre elas algumas expressivas, como a sobre o San Lorenzo e sobre o River Plate, por 1 a 0.

Aliás, 1 a 0 foi o resultado mais característico. Cinco nesse sprint final, incluindo aí a do título, neste domingo (14), contra o Godoy Cruz.

No jogo, o Racing sempre atacou o adversário e, com mais uma grande atuação de Diego Milito, venceu graças a um gol isolado de Centurión.

E o Racing volta a ser campeão nacional após 13 anos. Com justiça.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s