Brasileiro/Futebol

Colorado se aproveita de tropeços e passa o Corinthians na penúltima rodada

O Internacional foi o principal beneficiado pelos resultados da penúltima rodada do Brasileirão 2014. Depois de fazer  o dever de casa e atropelar o Palmeiras por 3 a 1, no Beira-Rio, o Colorado contou com os tropeços dos adversários diretos para chegar ao terceiro lugar. Agora, o time do técnico Abel Braga (pelo menos até domingo) depende das próprias forças e se vencer o Figueirense em Santa Catarina fica com a vaga direta na fase de grupos da próxima Libertadores.

Sósia ou original? O Valdívia do Inter marcou um golaço e decretou a vitória do Colorado sobre o Palmeiras. Foto: Divulgação Internacional

 

E antes de falar dos resultados que ajudaram o Inter, não podemos deixar de registrar a crise do Palmeiras, que chegou à quinta derrota seguida. O Verdão, que lutava apenas com o Vitória para fugir do rebaixamento, agora tem também o Bahia na disputa. Dois desses três times jogarão a segundona em 2015. E na última rodada, o Palmeiras recebe o Atlético Paranaense no Allianz Parque, enquanto o Vitória recebe o Santos e o Bahia vai ao Couto Pereira pegar o Coritiba, que não vai querer perder na despedida do craque Alex. Uma vitória simples salva o Palestra, mas se não vencer vai ter de torcer por derrotas da dupla baiana.

Frede marcou duas vezes e chegou a 17 gols no Brasileirão. Foto: Cleber Mendes/LancePress

 

Voltando aos adversários diretos do Inter. Quem foi ao Maracanã neste domingo viu um jogo de muitas variáveis, gols e polêmicas. Jogando bem compactado e com Renato Augusto e Guerrero inspirados, o Corinthians dominou as ações no primeiro tempo. O peruano abriu o placar após jogada entre Renato e o jovem Malcom. Mas o Timão cedeu o empate em um gol contra de Ralf. No segundo tempo, o alvinegro começou bem e perdeu pelo menos duas chances claras de marcar, uma delas inacreditável, quando Elias ficou sozinho na cara do goleiro e Diego Cavalieri defendeu. Na sequência, Edson se aproveitou de falha de Fábio Santos na boa aérea e marcou. Dois pênaltis relâmpagos foram um balde de água fria no Corinthians. No primeiro lance, Gil derrubou Conca e Fred cobrou no canto direito de Cássio. Antes da segunda penalidade, o Corinthians reclamou de uma falta que Malcom teria sofrido dentro da área tricolor, mas o juiz não marcou. Logo depois, Fábio Santos fez falta fora da área e o árbitro marcou pênalti. Fred repetiu a cobrança e se isolou na artilharia do Brasileiro, com 17 gols. A partir daí, o Corinthians fez uma bltiz e perdeu muitas chances de marcar, com Luciano, Guerrero e Petros. O volante, alías, foi empurrado na área em, desta vez o juiz marcou, mas Fábio Santos, que estava em tarde bisonha, chutou fraco e Cavalieri espalmou e a zaga mandou para escanteio. O Corinthians marcou no lance seguinte, com Danilo, de cabeça. Conca ainda fechou o caixão, dando um baile na zaga alvinegra.

Mano Menezes foi expulso e motivou o desequilibrio emocional do time na goleada contra o Flu. Foto: LancePress

 

Com o resultado, o Timão caiu para o quarto lugar e agora precisa vencer o Criciúma, em casa, e torcer para um tropeço do Inter para não disputar a primeira fase da Libertadores e ressucitar o fantasma do Tolima. Mano Menezes mostrou mais uma vez o seu caráter duvidoso e por quê não deve continuar no Corinthians. Discutiu com torcedores, com o árbitro e preferiu colocar os holofotes na arbitragem para camuflar a péssima atuação do time no segundo tempo. O Corinthians, mais uma vez, não soube matar o jogo quando estava em vantagem e sofreu um goleada que pode ter consequencias pesadas para o planejamento da próxima temporada.

No outro jogo que favoreceu o Inter, o Bahia surpreendeu a todos e bateu o Grêmio por 1 a 0 . Além de ganhar um suspiro na luta contra o rebaixamento, acabou com qualquer esperança do tricolor gaúcho para voltar à Libertadores.

E no Morumbi, na despedida de Kaká no estádio, o São Paulo tropeçou diante do Figueirense. O zagueiro Edson Silva abriu o placar de cabeça, mas o goleiro Rogério Ceni, de contrato renovado, fez uma lambança ao tentar sair jogando com os pés, perdeu a bola e tomou o gol de empate. O resultado apenas serviu para confirmar o vice-campeonato para o tricolor paulista.

MAzola marcou um golaço após falha de Ceni. Foto: Getty Images

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s