Brasileiro/Futebol

Só a Copa do Brasil pode dar um pouco de emoção ao futebol brasileiro

Ontem, enfim, nosso futebol teve um pouco de emoção nesses muitos anos de estagnação e penúria. Calma, também não tivemos jogos tão bem jogados assim, muito menos públicos que seriam dignos dos confrontos sorteados. Mas o bom da Copa do Brasil são as surpresas; e na noite passada três delas deram as caras.

A que mais impressionou foi a vitória do Bragantino em cima do Corinthians, na Arena Cuiabá, por 1×0. Agora, o time de parque São Jorge, no jogo da volta, em casa, terá de vencer por dois gols de diferença para ir as quartas de final, ou devolver o resultado para decidir a vaga nos penais. Vale lembrar que o Braga eliminou o São Paulo na terceira fase da Copa do Brasil, dentro do Morumbi.

renatoaugusto_coritnthians2_vip_85

O Timão não conseguiu escapar da marcação do Braga e perdeu o jogo de ida, em casa, por 1×0. Foto: André Romeu / VIPCOMM

O Ceará, que venceu o frágil Botafogo, em pleno maracanã, pelo placar de 2×1. Pelos dois gols marcados fora de casa, o Vovô terá mais tranquilidade para consolidar a classificação em seus domínios, já que o Botafogo terá de buscar a diferença de três gols para seguir na competição nacional.

O América de Natal é outro que anda jogando com uma vontade extrema, após eliminar o Fluminense na fase anterior as oitavas de final (por 5×2, depois de ter perdido o jogo de ida, em casa, por 3×0) fez uma nova vitima da Série A do Brasileirão: o Clube Atlético Paranaense. O resultado de 3×0 na Arena das Dunas foi pouco dada a extrema apatia do time curitibano.

Diferentemente do Furacão, o Coritiba surpreendeu, justamente por ser o penúltimo colocado no Brasileirão e, em casa, sobrou pra cima do Flamengo, de Vanderlei Luxemburgo. Vitória tranquila por 3×0 e o Coxa interrompe uma incrível recuperação do time carioca, que vinha de quatro vitórias seguidas no Campeonato Brasileiro e ainda não havia perdido depois da troca no comando técnico.

Apesar de já ter comemorado o seu centenário, o Palmeiras ainda enfrenta o seu inferno astral. Embora tenha vencido na última rodada do Brasileiro e se livrado, temporariamente, da ZR, o Verdão não anima nem um pouco a sua torcida e voltou a ser derrotado em casa. Desta vez o algoz foi o Galo mineiro, que fez 1×0 e decidirá a vaga em seus domínios, tendo o empate como resultado favorável.

gareca_jogopalmeiras_atleticomg_rib-7_85

Ricardo Gareca tem enfrentado tempos difíceis no comando técnico do Verdão. Foto: Marcos Ribolli / Globoesporte.com

O time azul de minas também venceu ontem, mais do que isso, amassou o pequenino Santa Rita, de Alagoas. 5×0 no placar, sem forçar, e ainda jogando com um time misto. O Cruzeiro estreia na Copa do Brasil como franco favorito à conquista do título, assim como já o é no Campeonato Brasileiro.

E hoje tem mais! Grêmio e Santos fazem o confronto mais esperado desta fase, em Porto Alegre.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s