Basquete

Brasil tenta por fim à sua instabilidade antes do Mundial de Basquete

O técnico Rúben Magnano luta contra o tempo para dar consistência e equilíbrio à Seleção Brasileira de Basquete Masculino, que daqui a uma semana estreia na Copa do Mundo da FIBA, na Espanha, contra a França.

O treinador armou o time com o que tem de melhor no Brasil, na Europa e, principalmente na NBA, e aposta na força de seu garrafão, que conta com Tiago Splitter, Nenê, Anderson Varejão e Rafael Hettsheimeir como opções. Há mais de um mês treinando para o mundial, o time acumulou três vitórias (Angola, Argentina e México) e três derrotas (Argentina, Estados Unidos e Lituânia) em jogos amistosos. O time ainda enfrenta Eslovênia e Irã (que está na chave do Brasil) antes do início da competição.

nene

Nenê tem sido um dos destaques do Brasil. Foto: Getty Images

Em todas as partidas, independentemente do resultado, o que se viu foi a equipe começar muito bem, com um jogo rápido no ataque e muito forte na defesa, abrir boa vantagem no placar, mas cair de produção e vencer por resultados apertados, ou sofrer a virada. Acontece que os pivôs vêm correspondendo, mas quando o ferrolho se fecha, as jogadas de fora não têm sido tão eficientes. Em um dos jogos contra a Argentina, por exemplo, Marcelinho Machado, especialista do perímetro errou as sete tentativas de três pontos no jogo. O alto índice de erros em lances livres também chama a atenção.

Se Magnano e sua competente comissão técnica conseguirem dar ao time o equilíbrio necessário, continuo com a opinião e torcida que o Brasil pode chegar, pelo menos na semifinal da Copa do Mundo.

O time principal tem jogado com a seguinte escalação: Marcelinho Huertas, Leandrinho, Alex, Nenê e Tiago Splitter. Completam o grupo Raulzinho, Larry Taylor, Marquinhos, Marcelinho Machado, Anderson Varejão, Rafael Hettsheimeir e Guilherme Giovannoni. Este último tenta se recuperar de uma lesão no tornozelo para a disputa do mundial.

bas_tiagosplitter_efe

Tiago Splitter foi um dos melhores contra os Estados Unidos, mas não evitou a derrota brasileira. Foto: EFE

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s