Futebol

Uma violeta no caminho dos grandes

O ano de 2012 começou com o futebol uruguaio em alta. A seleção celeste foi campeã da Copa América com sobras. O Peñarol resgatou o orgulho manya sendo vice-campeão da Libertadores e o Nacional respondeu beliscando o Apertura também com certa facilidade.

A seleção de Óscar Tabarez segue o caminho das vitórias. Lidera as eliminatórias sul-americanas com tranquilidade e caminha a passos largos para garantir uma vaga para tentar um novo MARACANAZZO em 2014.

Mas algo aconteceu com os clubes. Peñarol e Nacional fracassaram miseravelmente na Libertadores, sendo eliminados na primeira fase com requintes vexaminosos, com goleadas sofridas para adversários com uma história menor e camisas muito mais leves.

O que abriu o campeonato nacional para os outros times. E mesmo com a recuperação dos gigantes (na última rodada, o Peñarol fez 7 a 1 no Rampla Juniors fora de casa e o Nacional bateu o Wanderers por 2 a 0), não teve como parar o Defensor Sporting.

Os violetas foram o primeiro time pequeno a ser campeão uruguaio, em 1976. E, neste domingo, voltou a conhecer a glória ao bater o El Tanque Sisley por 3 a 0 e erguer a taça que não via desde 2009.

O título é incontestável. O Defensor é campeão com uma rodada de antecedência, tendo doze vitórias e dois empates em 14 jogos. Uma equipe com muitos juvenis, uma aposta do treinador Gustavo “Chavo” Díaz, que conseguiu um time coeso, com consciência da posse de bola, mas com muita velocidade para atacar.

Os gols do time na partida que garantiu o campeonato foram marcados por Federico Pintos, Nicolás Oliveira e Diego Ferreira.

O resultado deixou os violetas com 38 pontos, abrindo quatro de vantagem para o Liverpool. Nacional e Peñarol completam os quatro primeiros, num primeiro semestre que os dois gigantes não vão querer se lembrar.

Com o título do Clausura garantido, o Defensor fará a final do campeonato uruguaio contra o Nacional, campeão do Apertura.

Classificação do campeonato uruguaio – Clausura 2012

Um pensamento sobre “Uma violeta no caminho dos grandes

  1. Pingback: O verdadeiro dono da taça no Uruguai | Fut n Roll

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s